Ciclista de SÃO BERNARDO DO CAMPO morre atropelado na Av. Paulista, em São Paulo

Fonte: http://vadebike.org/2014/10/ciclista-marlon-moreira-de-castro-morre-atropelado-av-paulista/

Ciclista morre atropelado na Av. Paulista, em São Paulo

 A avenida símbolo da cidade de São Paulo, a Paulista, foi cenário de mais uma morte de ciclista nessa segunda-feira, 27 de outubro. O atropelamento ocorreu por volta das 12h30 no cruzamento com a Av. Brigadeiro Luis Antônio – que já foi chamado de esquina da morte, devido ao alto índice de atropelamentos no local. A Brigadeiro é, inclusive, a avenida campeã em atropelamentos.
A vítima foi Marlon Moreira de Castro, de 35 anos, que trabalhava como bike courier na empresa Ecolivery Courrieros. O ciclista trabalhava com entregas há cerca de três anos e morava em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo.
Continue lendo no site do Vá de Bike.
Anúncios

BICICLETADA SÃO BERNARDO DO CAMPO

Concentração Parque da Juventude – SBC – 15h / Saída às 16h

Concentração Praça do Cíclista – Santo André– 13:30h / Saída às 14h

Concentração Praça da Moça – Diadema 14h30 / Saída (passando pela Praça da Mobilidade) para o Pq. da Juventude SBC às 15h

São Bernardo terá 6 mil metros de ciclovia até 2012

São Bernardo terá 6 mil metros de ciclovia até 2012

Até agora, 2,6 mil metros foram construídos; outros 2,9 mil metros estão em obras na cidade

Autor: Claudia Mayara / ABCD Maior  |  Postado em: 06 de dezembro de 2011

Ciclovia em construção na rua João Firmino

Ciclovia em construção na rua João Firmino

créditos: Andris Bovo

A Prefeitura de São Bernardo pretende aumentar em seis vezes a extensão da rede cicloviária da cidade. Em 2008, o município contava com apenas 1 km de ciclovias, e a meta da Administração é chegar a 2012 com 6 mil metros. Para isso, a secretaria de Transportes e Vias Públicas já implantou 2,6 mil metros e está com outros 2,9 mil em obras nos bairros Assunção e Vila São Pedro.

 

De um modo geral, as ciclovias são implantadas na cidade nos locais de maior demanda onde a Prefeitura realiza a abertura de novas vias ou realiza readequação das ruas existentes. Na avenida João Firmino, no Bairro Assunção, o canteiro central vem se transformando, desde junho de 2010, em 2,1 mil metros de ciclovia que será interligada com ponto de parada para ser utilizada para o transporte público.

 

O açougueiro Joelson de Souza, 31 anos, aprovou a iniciativa e acredita que o ideal seria ampliar o projeto para todo o ABCD. “Após às 17h, tudo trava e, de carro, ninguém anda. A bicicleta é a melhor opção”, sugeriu. Morador do Bairro Assunção, atualmente sempre que precisa ir ao Centro da cidade, Souza vai de bicicleta. “É muito mais rápido ir de bicicleta, por isso prefiro. Às vezes também uso para trabalhar”, comentou.

 

“Acho importante termos a ciclovia, mas sinto falta das árvores”, destacou a cabeleireira Olinda Choshima, 55 anos, ao se referir as 60 árvores retiradas do canteiro central para construção da pista de bicicletas. De acordo com a Prefeitura, cerca as árvores foram replantadas em praças e campos de futebol nas imediações. Na própria avenida já foram plantadas outras 183 árvores e 42 palmeiras. E a expectativa é que no total 300 árvores sejam plantadas até o final das obras.

 

Prevista para inaugurar em fevereiro de 2012, cerca de 70% da obra está finalizada. Porém, a ciclovia só será concluída após o término dos serviços de macrodrenagem realizados na via pela secretaria de Serviços Urbanos. A obra de R$ 26 milhões também inclui recapeamento asfáltico, nova sinalização e modificações no trânsito.

 

Outras obras – Na avenida Amazonas, na Vila São Pedro, também está sendo realizada, desde outubro de 2010, obras de infraestrutura que incluem a construção de  800 metros de extensão de ciclovia. De acordo com a Prefeitura, a pista está desenhada e falta apenas implantar a sinalização e o paisagismo. A perspectiva é que a obra seja finalizada em maio de 2012.

 

Além das ciclovias que estão em obra, a Prefeitura entregou na cidade, desde 2009, outros 2,6 mil metros de ciclovias. No trecho inicial da avenida Pery Ronchetti, entre a avenida Faria Lima e a rua Princesa Maria Amélia, há uma ciclovia com 800 metros de extensão. O investimento foi de aproximadamente R$ 181,6 mil incluindo a execução de piso intertravado nas transições entre passeio e ciclovia e colocação de 90 metros de gradil no trecho em que a ciclovia foi executada em desnível com o viário.

 

São Bernardo ainda possui 700 metros de ciclofaixa na avenida Presidente João Café Filho, inaugurada em outubro de 2010. E existem outras duas ciclovias localizadas nas praças dos Coleirinhas e na Juliano Versolato. A primeira está situada entre as avenidas Isaac Aizemberg e das Araras e ruas Uirapurus com Curruíras, no Parque dos Pássaros, e possui 650 metros de extensão. Já a segunda praça está localizada na rua João Gabriel, altura do número 215, com a rua Gabriel de Souza, no Parque Espacial e possui 550 metros.

Fonte: http://www.mobilize.org.br/noticias/1095/sao-bernardo-tera-6-mil-metros-de-ciclovia-ate-2012.html